segunda-feira, 17 de julho de 2017

3 Melhores dicas para conduzir um veículo quando você tem Diabetes

Quando você é diabético, não precisa fazer viagens muito longas para encontrar problemas. Mesmo curtas distâncias podem rapidamente se transformar em perigo se o açúcar no sangue descer a níveis muito baixos.

Durante um episódio de hipoglicemia ou baixa de açúcar no sangue, você pode sofrer de ansiedade, tremores e visão turva – tudo que torna a condução difícil e insegura. Se os sintomas forem graves, podem acabar pondo em perigo a si mesmo e a outros na estrada.

Planejar a viagem com estas três dicas à seguir, podem ajudar a garantir que você chegue ao seu destino com segurança, não importa o quão longe você queira chegar.

1. Conheça os seus sinais de alerta e esteja pronto para reagir rapidamente

Os sintomas de baixa de açúcar no sangue são diferentes para cada pessoa. Com o tempo, a maioria das pessoas com diabetes aprendem a reconhecer os próprios sinais de que o açúcar no sangue está baixo.
É importante não só para reconhecer os sintomas, mas também saber reagir rapidamente.

Assim que você se tornar ciente de seus sintomas de alerta, você precisa encostar o veículo e testar seu nível de açúcar no sangue se possível, mas ainda mais importante, você deve consumir carboidratos simples para trazer o nível do açúcar no sangue de volta. Algumas opções incluem: balas, comprimidos de glicose ou gel de glicose.

2. Além de gasolina, abasteça seu carro com lanches de fácil acesso

A maioria das pessoas com diabetes costuma levar um lanche ou doces em uma bolsa, carteira ou mochila. Mas é importante manter lanches em seu carro em todos os momentos para que você sempre tenha fácil acesso quando você está viajando.

Certifique-se de levar no carro produtos não-perecíveis facilmente acessíveis. Balas, barras de granola ou bolachas são boas escolhas.
Ao viajar uma distância mais longa, mantenha um kit de alimentação embalado para a viagem próxima de seu assento no carro.

Um cooler é uma ótima maneira de armazenar lanches saudáveis e mais substanciais, como sanduíches, wraps ou frutas. Lembre-se também de embalar alguma proteína, que vai fazer você se sentir mais saciado e ajudar a evitar flutuações de açúcar no sangue ao longo do tempo.

Se você tomar insulina, também deve armazená-la em um recipiente isolado quando você viaja.


3. Faça pausas freqüentes em viagens mais longas

Se você estiver em uma longa viagem, é importante deixar tempo suficiente para que possa fazer várias paradas.

Pare a cada poucas horas para testar os seus níveis de açúcar no sangue. Se o nível de açúcar no sangue estiver entre 70 mg / dl e 90 mg / dl, é uma boa ideia comer alguns carboidratos extras para impedi-lo de cair durante a viagem.

Fazer pausas também é importante para ajudar a manter o seu sangue fluindo. Diabetes, por vezes, provoca estreitamento dos vasos sanguíneos nos pés, por isso é uma boa ideia parar a cada duas horas para caminhar e esticar as pernas para estimular o fluxo de sangue em suas extremidades inferiores.

Planejar com antecedência é a chave

Fazer viagens coloca alguns desafios para as pessoas que têm diabetes, mas um pouco de planejamento antecipado vai deixar você mais seguro quando sair de casa.

Embalar seus lanches e deixar tempo suficiente para pausas ao longo do caminho pode colocá-lo no controle de seu diabetes na estrada. Lembre-se de prestar atenção para sinais de problemas e reagir rapidamente quando você percebe-los. Isso vai ajudá-lo em suas viagens para ir com segurança e sem sobressaltos.


obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs
Carla
http://www.tiabeth.com/index.php/2016/05/31/3-melhores-dicas-para-conduzir-um-veiculo-quando-voce-tem-diabetes/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla