segunda-feira, 20 de maio de 2013

ALZHEIMER - QUANDO A PESSOA IDOSA SE PERDE OU FOGE

•Se a pessoa idosa com Alzheimer começou com este comportamento subitamente, pois não é um comportamento comum a ele, faça uma consulta médica, em busca de uma explicação possível, ou até um problema de saúde.



•Não está com fome, sede, frio, calor? Pergunte! Fazer com que sua casa, seu ambiente seja o mais seguro possível. Ponha grades nas janelas, grades nas escadas, boas cercas nos quintais, fechaduras complicadas e eficientes nas portas, considere colocar alarmes. Não o ponha em condições de fugir: roupas inadequadas para sair, esconda os sapatos, não dê as chaves.

...

•Às vezes, ele não foge, ele se perde. Sinalize bem a sua casa, deixe o ambiente o mais familiar possível: retratos de toda a família pela casa, objetos pessoais de estima à mostra, sinalize o banheiro, o quarto, a cozinha. Evite que o seu ambiente seja confuso, barulhento e agitado, com muitas pessoas.



•Encoraje a caminhada e o exercício. Distraia o idoso com conversa, atividades, comida, mostrar álbuns de família (ajuda a acalmar e a melhorar a memória).



•Faça identificação em suas roupas, escrevendo em um cartão ou na própria roupa, o nome e endereço, telefone e um agradecimento pela ajuda. Pode ser também um bracelete ou um colar para identificação.



•Comunique a situação do idoso demente com os vizinhos, com o porteiro do prédio, os familiares mais distantes, e se necessário e útil, até com a polícia. Considere o uso de medicação: poder ser útil, mas pode trazer reações indesejáveis. Converse com o seu médico.

extraído:www.cuidardeidosos.com.br/facebook



•Finalmente, converse com o idoso, fale pausada e calmamente, sorrindo em tom de ajuda, orientando-o. Mostre o seu quarto, suas coisas, o banheiro, a cozinha. Diga que gosta dele, que não o quer ver saindo sozinho. Distraia o idoso. Procure dar ocupações ao idoso, na medida de sua capacidade.Ver mais

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla