Será Natal???

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?
Eu sei que você tem pouco tempo...
Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua
atenção?
Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você. Há uma correria generalizada...
Entendo que você tenha pouco tempo.
Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
É bonito ver luzes, cores, fartura...
Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
Apertos de mãos demorados...
Abraços de ternura...
Mais gratidão...
Mais carinho...
Mais compaixão...
Que familiares e pessoas que  se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação se reconciliem.
Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?
Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!
E os sóbrios comentam: É louco!
E a cidade se prepara... Será Natal.
Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
O Natal é a expressão da caridade...
Natal é fraternidade...
Mas o Natal também é união...
Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...
Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...
E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...
Gratidão!!!
abs.fraternos
Carla




segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Como as hipoglicemias afetam a saúde do coração?

Pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, fizeram um estudo envolvendo 44 pessoas com diabetes tipo 1, que apresentavam a hemoglobina glicada (média da glicemia nos últimos três meses) acima de 8%. De acordo com as normas da Sociedade Brasileira de Diabetes, preconiza-se taxas menores de 7% para que o paciente não tenha riscos de desenvolver complicações. Durante cinco dias, os participantes utilizaram um monitor de glicemia contínuo e, ao mesmo tempo, um aparelho, que media as funções vitais do coração.
Como resultado, os estudiosos perceberam que as pessoas apresentavam aumento de risco de problemas no coração, quando apresentavam episódios de hipoglicemia. Segundo a pesquisa, o coração apresentou menores ritmos das batidas, fato este relacionado com altas taxas de mortalidade, já que hipoglicemias geram estresse nos músculos do coração, o que pode ocasionar doenças cardíacas no futuro.
 
De acordo com o Flavio Moutinho, endocrinologista do Hospital Federal Cardoso Fontes, no Rio de Janeiro, "um dos hormônios contra-insulínicos liberados durante a hipoglicemia é a adrenalia, que ocasiona taquicardia, seguidos de tremor, sudorese, palpitação, pele fria e hipervigilância (prestar atenção em tudo ao mesmo tempo).
 
"Se a pessoa com diabetes tiver de forma repetida e constante a hipoglicemia, corre-se o risco de gerar arritmias e, em longo prazo, a insuficiência cardíaca (taquicardiomiopatia)", adverte Flavio.
 
Para evitar as hipoglicemias, o endocrinologista sugere "converse muito com seu médico. Passe informações de como você está se sentindo e como está sua monitorização domiciliar da glicemia capilar, e acolha as informações de como proceder para melhorar. Só assim é possível minimizar a frequência de hipoglicemias".
 
O quanto antes esta conversa for realizada com o médico e medidas forem efetivas, menor o risco de o paciente ter qualquer complicação, incluindo a cardíaca.
 
obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs,
Carla
extraído:https://www.debemcomavida.com.br/consumidores/entendendo-o-diabetes/complicações/efeitos-da-hipoglicemia-podem-gerar-riscos-ao-coração!-confira!/
 



hipoglicemia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla