Será Natal???

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?
Eu sei que você tem pouco tempo...
Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua
atenção?
Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você. Há uma correria generalizada...
Entendo que você tenha pouco tempo.
Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
É bonito ver luzes, cores, fartura...
Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
Apertos de mãos demorados...
Abraços de ternura...
Mais gratidão...
Mais carinho...
Mais compaixão...
Que familiares e pessoas que  se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação se reconciliem.
Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?
Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!
E os sóbrios comentam: É louco!
E a cidade se prepara... Será Natal.
Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
O Natal é a expressão da caridade...
Natal é fraternidade...
Mas o Natal também é união...
Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...
Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...
E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...
Gratidão!!!
abs.fraternos
Carla




sábado, 1 de abril de 2017

Dez atitudes para evitar as infeções urinárias


Fonte de imagem: NetDoctor
 
 
 
 
Saiba os cuidados que deve ter para manter a saúde íntima sempre em dia.
 
A infeção urinária provoca dor, ardor e aumento da vontade de ir à casa de banho, mesmo quando a bexiga ainda não está cheia.
 
Em casos mais graves pode mesmo interferir com o seu dia a dia, mas há formas de prevenir as infeções urinárias. A revista Boa Forma destaca dez atitudes que deve adotar se quer evitar estas infeções e manter a sua saúde íntima:
 
1. Ir à casa de banho com alguma frequência, de preferência a cada três horas;
 
2. Não ter relações sexuais enquanto a região genital não estiver bem lubrificada, pois a fricação pode provocar feridas microscópicas que podem ser a porta de entrada para as bactérias;
 
3. Não fazer sexo vaginal após a penetração anal, a não ser que troque o preservativo;
 
4. Evitar os preservativos com espermicida, pois esta substância mata as bactérias benéficas e essenciais para o equilíbrio da flora íntima;
 
5. Evitar ter relações sexuais com a bexiga cheia e urinar depois de o sexo terminar de forma a expulsar bactérias potencialmente prejudiciais;
 
6. Quando urinar, use apenas o papel para se limpar. O uso excessivo de toalhitas ou do duche íntimo podem desequilibrar a flora;
 
7. Quando estiver a lavar as partes íntimas, use água morna e sabonete íntimo e faça movimentos da frente para trás;
 
8. Prefira o copo vaginal ou os tampões aos pensos higiénicos, pois os primeiros deixam a saída da uretra livre e seca;
 
9. Aumente a força muscular e fortaleça o seu esqueleto com exercício físico regular – assim o seu sistema imunitário ficará mais forte;
 
10. Prefira lingerie de algodão e roupas leves e confortáveis para que as partes íntimas não fiquem apertadas e tenham espaço para o ar circular


AutorNotícias ao Minuto
 
obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs
Carla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla