sábado, 26 de abril de 2014

Dia Mundial de Combate à Hipertensão

No Dia Mundial de Combate à Hipertensão, médico dá dicas para melhorar saúde



Uma das melhores maneiras de
se livrar da hipertensão é a prevenção. No Dia Mundial de Combate à
Hipertensão, comemorado neste sábado (26), o cardiologista Otávio Gebara, do
Hospital Santa Paula, explica que alimentação e hábitos saudáveis, além de
atividades físicas ajudam a reduzir a chance da doença. Veja as dicas a seguir!


*Colaborou: Luiz Guilherme
Sanfins, estagiário do R7

 
 Controle o estresse, o sal e açúcar e fuja da hipertensão

Uma das melhores maneiras de se livrar da hipertensão é a prevenção. No Dia Mundial de Combate à Hipertensão, comemorado neste sábado (26), o cardiologista Otávio Gebara, do Hospital Santa Paula, explica que alimentação e hábitos saudáveis, além de atividades físicas ajudam a reduzir a chance da doença. Veja as dicas a seguir!

Evite o consumo de bebidas alcoólicas

As bebida alcoólicas aumentam a retenção de sal e água, fazendo com que aumente a vasoconstrição dos vasos

Diminua drasticamente o consumo de açucar
O consumo excessivo de açúcar pode levar ao sobrepeso, obesidade e à síndrome metabólica, que promovem aumento da pressão arterial, alerta o médico.

— A gordura abdominal produz substâncias que vão para a circulação e causam vasoconstrição, aumento de noradrenalina, e liberação de insulina. Todos estes mecanismos colaboram para elevar a pressão 

 Não fume

O cigarro colabora para o enrijecimento das artérias (a chamada aterosclerose), e para a vasoconstrição. Os dois mecanismos aumentam a pressão arterial.   

 Pratique atividades físicas

Se exercite pelo menos cinco dias por semana entre 30 e 50 minutos. Faça caminhadas, substitua o elevador pela escada, ande de bicicleta, nade e dance



 Mantenha um peso saudável

Também é importante avaliar a medida da circunferência abdominal (cintura). O homem não deve ultrapassar 102 cm e a mulher 88 cm 

 Controle o estresse

Gebara explica que o estresse pode levar o aumento agudo da pressão arterial.  

— O estresse crônico, por exemplo, pode ativar sistemas reguladores e hormônios levando ao aumento permanente da pressão 

 Reduza a quantidade de sal na comida

Use no máximo uma colher de chá para toda a alimentação diária. Não utilize saleiro à mesa e não acrescente sal no alimento depois de pronto. Dê preferência aos temperos naturais como limão, ervas, alho, cebola, salsa e cebolinha 


*Colaborou: Luiz Guilherme Sanfins, estagiário do R7
Foto: Montagem/ R7 
 
obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs,
Carla


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla