Será Natal???

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?
Eu sei que você tem pouco tempo...
Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua
atenção?
Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você. Há uma correria generalizada...
Entendo que você tenha pouco tempo.
Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
É bonito ver luzes, cores, fartura...
Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
Apertos de mãos demorados...
Abraços de ternura...
Mais gratidão...
Mais carinho...
Mais compaixão...
Que familiares e pessoas que  se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação se reconciliem.
Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?
Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!
E os sóbrios comentam: É louco!
E a cidade se prepara... Será Natal.
Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
O Natal é a expressão da caridade...
Natal é fraternidade...
Mas o Natal também é união...
Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...
Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...
E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...
Gratidão!!!
abs.fraternos
Carla




quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Uma seringa, duas insulinas: aprenda a mistura correta




O Blog Reccomecar está participante do Prêmio Top Blog 2013 e esta semana foi eleito entre os 100 Top blogs categoria saúde.

Até o dia 10 de março(10/03/2014), é o período de votação para escolher os 03finalistas!!!
Conto com seu voto!!!




Muitos usuários de insulinas utilizam NPH com uma insulina rápida (regular ou ultrarrápida). Essas podem ser aplicadas no mesmo momento, numa mesma seringa, desde que seguida a técnica correta.
ATENÇÃO: As insulinas glargina e detemir não podem ser misturadas com nenhuma outra insulina na mesma seringa.
Lembre-se dos passos iniciais:
a. Lavar as mãos com água e sabão.
b. Separar a seringa e as insulinas.
c. Rolar o frasco de insulina de aspecto leitoso (NPH), levemente entre as mãos, por no mínimo 20 VEZES, para garantir ação correta da insulina.
d. Limpar a borracha dos frascos com álcool 70%.
Técnica de Mistura de Insulinas:
1- Introduza uma quantidade de ar na seringa igual à dose de insulina NPH prescrita pelo seu médico.
Seringa
2- Injete o ar dentro do frasco que contém a insulina NPH. Sem extrair a insulina, retire a agulha.
Seringa
3- Introduza uma quantidade de ar na seringa igual à dose de insulina REGULAR ou ULTRARRÁPIDA prescrita pelo seu médico.
Seringa
4- Injete o ar dentro do frasco que contém insulina REGULAR ou ULTRARRÁPIDA.
Seringa
5- Neste momento começa a aspiração da insulina: vire o frasco e aspire a insulina lentamente até a marca da escala que indica a quantidade de insulina REGULAR/ ULTRARRÁPIDA prescrita.
Seringa
6- Retorne o frasco para a posição inicial e retire a agulha lentamente.
Seringa
7- Pegue o frasco de insulina NPH. Com a mesma seringa que já contém a insulina Regular/Ultrarrápida, introduza a agulha nesse frasco de insulina NPH, segurando no corpo da seringa para não perder a insulina Regular/ Ultrarrápida que está na seringa.
8- Aspire lentamente a insulina NPH prescrita. O total preparado dentro da seringa deve corresponder à soma das insulinas NPH + REGULAR/ ULTRARRÁPIDA prescrita pelo seu médico.
Seringa
9- Retire a agulha do frasco, e prossiga seguindo as mesmas recomendações citadas na técnica de aplicação de insulina.
Observação: Se a retirada foi maior que a necessária, em hipótese alguma o excesso deve ser devolvido ao frasco. Devem-se descartar as insulinas da seringa e reiniciar o procedimento.


ATENÇÃO: As insulinas glargina e detemir não podem ser misturadas com nenhuma outra insulina na mesma seringa.

Dra. Janice Sepúlveda
  • Endocrinologista
  • Doutora em Clínica Médica pela Santa Casa de Belo Horizonte
  • Coordenadora do Serviço de Diabetes Tipo 1 da Santa Casa de Belo Horizonte
  • Secretária da SBD-MG

obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs,
Carla
extraído:https://www.facebook.com/EspacoDiabetes?ref=stream fonte:http://goo.gl/OkMVI3

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla