quarta-feira, 15 de junho de 2016

Hemoglobinúria Paroxística Noturna:Diagnóstico

Quando o paciente chega ao hospital, o primeiro exame a ser pedido é o hemograma completo (exame de sangue). Nele, ficará evidente os problemas com os glóbulos vermelhos.
Como a HPN é bastante rara, os especialistas primeiramente descartarão hipóteses de outras doenças, que também apresentam sinais parecidos. Será a citometria de fluxo que irá confirmar o diagnóstico. Este teste específico, feito a partir de uma amostra de sangue, identifica a falta de proteínas nos glóbulos vermelhos (ela também pode analisar os glóbulos brancos, caso o paciente tenha recebido transfusão de sangue durante o período).
O médico ainda pode pedir o mielograma, exame realizado a partir do sangue coletado diretamente da medula óssea, e também uma biópsia da medula, quando um pequeno fragmento de osso será retirado da região lombar e avaliado em laboratório. Ambos com o objetivo de descartar outras doenças que também podem afetar os glóbulos vermelhos.
**Todos estes exames estão disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS). Se você enfrentar algum tipo de dificuldade, saiba que a Abrale oferece gratuitamente Apoio Jurídico.(08007739973)
Converse com seu médico a respeito dos exames e procure tirar todas as suas dúvidas: como são feitos os procedimentos, se há algum risco, em quanto tempo saberá o resultado e o que mais quiser saber. É muito importante se sentir seguro! 
obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs
Carla
http://abrale.org.br/hpn/diagnostico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla