Será Natal???

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?
Eu sei que você tem pouco tempo...
Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua
atenção?
Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você. Há uma correria generalizada...
Entendo que você tenha pouco tempo.
Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
É bonito ver luzes, cores, fartura...
Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
Apertos de mãos demorados...
Abraços de ternura...
Mais gratidão...
Mais carinho...
Mais compaixão...
Que familiares e pessoas que  se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação se reconciliem.
Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?
Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!
E os sóbrios comentam: É louco!
E a cidade se prepara... Será Natal.
Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
O Natal é a expressão da caridade...
Natal é fraternidade...
Mas o Natal também é união...
Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...
Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...
E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...
Gratidão!!!
abs.fraternos
Carla




sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

HIPOGLICEMIA – CONHEÇA 8 SINAIS DE ALERTA E PREVINA-SE

hipo-alertaVocê sabe a causa número 1 da queda brusca do açúcar no sangue? Alterações na ingestão de alimentos. Você pode estar há muito tempo sem comer carboidratos, ou ter intensificado a sua atividade, sem adição de comida extra. Certos medicamentos para diabetes, como a insulina, podem causar baixa do açúcar no sangue também. De qualquer forma, estas situações podem causar hipoglicemia, ou baixos níveis de açúcar no sangue.
E às vezes fica difícil dizer com certeza quando você está enfrentando problemas deste tipo.
Os sintomas podem variar de pessoa para pessoa; nem todas têm os mesmos sinais de alerta. Os problemas são por vezes leves, mas se eles são graves e não tratados, podem levar à convulsões ou inconsciência.
Aqui está o que você precisa saber para reconhecer a hipoglicemia quando isso acontece -, bem como os passos que você pode tomar para ajudar a evitar o problema.

QUAIS SÃO OS SINAIS MAIS COMUNS DO PROBLEMA?

Os profissionais de saúde geralmente definem hipoglicemia quando o nível de açúcar no sangue em um adulto não-grávida está menor do que 70 mg / dl.
No entanto, os especialistas não definem a gravidade pelo número, mas sim pelos sintomas:
  • Suave. Neste caso, o baixo nível de açúcar no sangue pode ser tratado pela pessoa com diabetes sozinha.
  • Moderada. A pessoa que experimenta a baixa de açúcar no sangue está alerta o suficiente para pedir ajuda, mas ele ou ela requer assistência.
  • Severa. Quando a pessoa está completamente incapaz de auto-tratamento e pode estar desacordada ou inconsciente. Converse com seu médico para verificar quais os níveis seguros para você.
Se você suspeitar que está experimentando uma hipoglicemia, aqui estão os sintomas mais comuns a serem observados:
  1. Suor – Um dos primeiros sinais de hipoglicemia é o suor ou a pele pegajosa. Muitas vezes ocorre independentemente da temperatura exterior.
  2. Fome  – Seu corpo é sábio em deixá-lo saber quando algo está errado. Se ele precisa de mais de glicose, muitas vezes envia sinais de fome. Atenção aos sinais como sentir fome mesmo quando você comeu uma refeição. Também atente para a fome intensa, abrupta.
  3. Ansiedade – Se o seu corpo precisa de glicose, ele vai liberar adrenalina para ajudar o fígado a produzir mais açúcar. Esta descarga de adrenalina às vezes pode deixá-lo ansioso ou nervoso. Isto também irá aumentar a sua frequência cardíaca.
  4. Tremores – Quando a glicose está baixa, às vezes ele atua em seu sistema nervoso central. Quando isso acontece, ele libera substâncias químicas que causam agitação ou tremores.
  5. Mudanças de humor – alterações emocionais anormais são muitas vezes um sinal de alerta. Elas são, por vezes menor e por vezes intensa. Observe coisas como explosões incomuns, choro, irritabilidade, sentimentos de isolamento ou confusão.
  6. Tontura – Muitas pessoas com baixo nível de açúcar no sangue sentem tonturas, e é importante lidar com isso rapidamente para evitar desmaios.
  7. Perturbação do sono  – Este apresenta-se em uma variedade de sintomas, incluindo clamando, pesadelos e suores noturnos. Estes problemas de sono podem fazer você se sentir muito cansado durante o dia.
  8. Alterações sensoriais  – problemas súbitos de visão, fala arrastada ou falta de coordenação motora são, por vezes, sinais de baixa de açúcar no sangue.

COMO VOCÊ PODE EVITAR ESSES PROBLEMAS?

Problemas causados por baixa de açúcar no sangue podem variar de levemente preocupante a grave. Algumas práticas inteligentes podem ajudar a mantê-lo na pista.
  • Mantenha uma rotina, tanto quanto possível. Tente não interromper a sua programação normal – mesmo para coisas como viagens , doença ou férias.
  • Faça um lanche ou mantenha alimentos que contenham carboidratos com você em todos os momentos no caso de você precisar de um impulso extra.
  • Fale com o seu médico ou educador para descobrir como o seu medicamento funciona. Nem todos os medicamentos para diabetes irá colocá-lo em risco de baixa de açúcar no sangue.
  • Certifique-se de verificar o seu açúcar no sangue regularmente. Se você sentir quaisquer sintomas de baixa de açúcar no sangue, sempre tente testar se possível antes de tratar. Dessa forma, você pode confirmar ou não se a causa foi baixa de açúcar no sangue ou um outro motivo.
  • Use uma identificação de alerta médico – um colar ou pulseira – para que os outros fiquem conscientes das suas necessidades de cuidados de saúde no caso de um problema.
  • Contacte o seu médico se você está tendo dois ou mais episódios de baixa de açúcar no sangue inexplicável por semana.
  • Eduque a família e amigos sobre como eles podem ajudar se você estiver experimentando baixa de açúcar no sangue. Eles devem saber o que fazer diante desta situação quando ela surgir.
E lembre-se, a consistência é importante. Tente comer a mesma quantidade de carboidratos distribuídos uniformemente ao longo do dia. Isto irá manter o açúcar no sangue estável.
 obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs
Carla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla