Será Natal???

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?
Eu sei que você tem pouco tempo...
Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua
atenção?
Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você. Há uma correria generalizada...
Entendo que você tenha pouco tempo.
Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
É bonito ver luzes, cores, fartura...
Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
Apertos de mãos demorados...
Abraços de ternura...
Mais gratidão...
Mais carinho...
Mais compaixão...
Que familiares e pessoas que  se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação se reconciliem.
Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?
Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!
E os sóbrios comentam: É louco!
E a cidade se prepara... Será Natal.
Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
O Natal é a expressão da caridade...
Natal é fraternidade...
Mas o Natal também é união...
Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...
Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...
E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...
Gratidão!!!
abs.fraternos
Carla




sábado, 11 de março de 2017

Governo altera critérios para Doação de sangue e Transplante

Devido ao recente surto de febre amarela, Anvisa e Ministério da Saúde substituem normas clínicas para triagem de candidatos e seleção de doadores


Em razão dos recentes casos de febre amarela silvestre registrados, na quinta-feira, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Ministério da Saúde(MS) emitiram notas técnicas sobre o risco de transmissão por meio de doação de sangue e órgãos com o objetivo de prevenir novos casos da doença.
Segundo os novos critérios, pessoas vacinados  devem aguardar, no mínimo, quatro semanas para doar sangue a contar da data de vacinação. Já quem contraiu a doença, não poderá fazer nenhuma doação por seis meses após a recuperação completa. A medida foi tomada considerando a existência de relatos que observaram a transmissão da doença por transfusão a partir de pessoas vacinadas.

Transplantes

Desde 1983, por causa do início da epidemia da aids, era proibido nos Estados Unidos pessoas que tiveram relação com pessoas do mesmo sexo de fazerem a doaçãoPara possíveis doadores de órgãos, as restrições são diferentes. Durante a entrevista de história clínica dos candidatos, será preciso informar a possível presença de indicativos e sintomas de febre amarela. Candidatos à doação de órgãos que foram infectados serão considerados inaptos por um período de trinta dias após a recuperação, enquanto possíveis doadores de tecidos ficarão excluídos por seis meses. Potenciais doadores, tanto de órgãos quanto de tecidos, que foram vacinados recentemente precisarão esperar quatro semanas para realizar o procedimento.
Para pacientes em busca de transplantes, a vacina é recomendada, mas precisarão ficar até quatro meses afastados da lista de espera

obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
Desde 1983, por causa do início da epidemia da aids, era proibido nos Estados Unidos pessoas que tiveram relação com pessoas do mesmo sexo de fazerem a doaçãoabs
Carla
http://veja.abril.com.br/saude/governo-altera-criterios-para-doacao-de-sangue-e-transplante/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla