Será Natal???

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?
Eu sei que você tem pouco tempo...
Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua
atenção?
Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você. Há uma correria generalizada...
Entendo que você tenha pouco tempo.
Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
É bonito ver luzes, cores, fartura...
Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
Apertos de mãos demorados...
Abraços de ternura...
Mais gratidão...
Mais carinho...
Mais compaixão...
Que familiares e pessoas que  se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação se reconciliem.
Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?
Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!
E os sóbrios comentam: É louco!
E a cidade se prepara... Será Natal.
Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
O Natal é a expressão da caridade...
Natal é fraternidade...
Mas o Natal também é união...
Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...
Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...
E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...
Gratidão!!!
abs.fraternos
Carla




quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Perda de Peso no Tramento do Câncer - Anorexia -


A redução do apetite(anorexia) também é frequente em pacientes que recebem tratamento para câncer.

Pode ser acompanhada de redução considerável do peso e carência de proteínas, importantes e necessárias à reparação dos tecidos lesados pelo tratamento.

Embora as causas da perda do apetite não sejam totalmente conhecidas, supõe-se que podem decorrer do tratamento ou da própria doença.

Inúmeros são os fatores emocionais e sociais que podem afetar o apetite, como depressão, medo, ansiedade, sentimento de desamparo e perda de controle, muitas vezes manifestados pelo paciente. 

Diferentes tratamentos provocam a perda de apetite, principalmente por causa de seus efeitos secundários: a cirurgia pode alterar a absorção dos alimentos; a radioterapia pode provocar cansaço, uma das causas da anorexia; secura, feridas na boca/garganta e diarréia também desencadeiam falta de apetite; quimioterapia modifica a absorção de alimentos ao danificar as células intestinais; alterações na percepção do sabor, náuseas e vômitos podem fazer com que o paciente prefira não se alimentar para apresentar menor numero de inconvenientes. Outros medicamentos utilizados pelos pacientes (calmantes e antibióticos) podem piorar o apetite e tornar a anorexia mais grave.


Habitualmente, o apetite volta à normalidade algumas semanas após o término do tratamento, pois as células da boca e tubo digestivo sofreram reparação. O paciente estará mais animado e, provavelmente, com maior vontade de se alimentar.

obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico: vou trazer postagem com sugestões de pratos para ajudar ano processo. 
abs,
Carla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla