Será Natal???

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?
Eu sei que você tem pouco tempo...
Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua
atenção?
Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você. Há uma correria generalizada...
Entendo que você tenha pouco tempo.
Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
É bonito ver luzes, cores, fartura...
Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
Apertos de mãos demorados...
Abraços de ternura...
Mais gratidão...
Mais carinho...
Mais compaixão...
Que familiares e pessoas que  se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação se reconciliem.
Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?
Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!
E os sóbrios comentam: É louco!
E a cidade se prepara... Será Natal.
Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
O Natal é a expressão da caridade...
Natal é fraternidade...
Mas o Natal também é união...
Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...
Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...
E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...
Gratidão!!!
abs.fraternos
Carla




segunda-feira, 11 de abril de 2016

Exercícios para fazer em casa ajudam a tratar Parkinson


07/01/16 - Para quem convive com a doença de Parkinson, atividades simples são capazes de fazer grande diferença no tratamento. Com o objetivo de ajudar na melhora da qualidade de vida dos pacientes, a Associação Brasil Parkinson (ABP) lançou um manual ilustrado com exercícios que podem ser feitos em casa para complementar as sessões de fisioterapia. Pesquisas indicam esse tipo de reabilitação é essencial, já que atua em sintomas que geralmente não são melhorados por medicamentos.

— Sugerimos que o manual seja usado diariamente, de 30 a 40 minutos, com momentos de descanso sempre que necessário. É interessante iniciar a sessão com alongamento, para preparar a musculatura para execução dos exercícios, já que a rigidez muscular é bastante comum (nas pessoas com Parkinson) — diz a fisioterapeuta Érica Tardelli, uma das autoras da cartilha da ABP. — Mais importante do que a variedade dos movimentos é a qualidade de como serão feitos.

Todos deverão ser executados com a máxima amplitude possível, com tranquilidade e concentração.
O mal de Parkinson é um problema crônico e degenerativo, causado pela falta do neurotransmissor dopamina no sistema nervoso central. Segundo o neurologista Peter Salem Junior, a substância ajuda na realização automática de movimentos voluntários, por isso, o paciente pode perder o controle motor.

— A doença compromete, principalmente, as ações que necessitam de movimentos mais finos com dedos e mãos. O paciente começa a andar com o tronco para frente e passos mais curtos e perde a expressão facial. Tudo isso pode ser acompanhado de dor — explica o médico.

Supervisão é necessária
De acordo com a fisioterapeuta Érica Tardelli, os exercícios do manual foram elaborados para atender a pessoas com Parkinson com maior grau de independência. Aquelas com comprometimento motor mais grave também podem realizá-los, desde que supervisionadas por um cuidador para garantir a segurança e a eficiência dos movimentos.

— No nosso meio, nem sempre é possível o paciente ter acesso diário a fisioterapia. Assim, o manual serve como um guia — ressalta. — Havendo dor ou qualquer tipo de mal-estar, a continuidade deverá ser imediatamente suspensa. Exercícios respiratórios poderão ser realizados no início ou no fim da sessão, de acordo com a preferência e a necessidade de cada um.
A cartilha completa pode ser adquirida com a ABP (http://associaobrasilparkinson.blogspot.com/)

Fonte: TV Daki.
obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs
Carla
extraído:http://doencadeparkinson.blogspot.com.br/2016/01/exercicios-para-fazer-em-casa-ajudam.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla