Será Natal???

Ei, você, aonde vai com tanta pressa?
Eu sei que você tem pouco tempo...
Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua
atenção?
Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você. Há uma correria generalizada...
Entendo que você tenha pouco tempo.
Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...
Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...
Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...
É bonito ver luzes, cores, fartura...
Mas seria tão belo ver sorrisos francos...
Apertos de mãos demorados...
Abraços de ternura...
Mais gratidão...
Mais carinho...
Mais compaixão...
Que familiares e pessoas que  se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação se reconciliem.
Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?
Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!
E os sóbrios comentam: É louco!
E a cidade se prepara... Será Natal.
Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:
O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.
O Natal é a expressão da caridade...
Natal é fraternidade...
Mas o Natal também é união...
Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...
Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...
E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...
Gratidão!!!
abs.fraternos
Carla




terça-feira, 3 de maio de 2016

O QUE É A RESISTÊNCIA À INSULINA?

por que ocorre resistencia a insulina


A resistência à insulina é uma condição perigosa, que muitas vezes leva ao desenvolvimento do pré-diabetes ou diabetes tipo 2. Esta condição ocorre quando o organismo deixa de usar eficientemente a insulina produzida pelo pâncreas, produzindo ainda mais este hormônio e fazendo com que as células não absorvam adequadamente a insulina. Indivíduos podem ser resistentes à insulina durante anos sem perceber que sofrem desta condição perigosa, e quando descobrem já são pré-diabéticos ou desenvolveram diabetes tipo 2. Felizmente, através de dieta adequada e nutrição, a resistência à insulina pode ser prevenida, aliviada e até mesmo revertida.
Esta resistência pode ocorrer por uma série de razões, mas a causa mais comum é o ganho de peso. O tecido adiposo libera hormônios, promovendo a inflamação e comprometendo a capacidade do nosso organismo para processar este importante hormônio. Levar uma vida sedentária pode ser um fator desencadeador para a resistência à insulina, pois os músculos usam ainda mais glicose do que qualquer outro tecido do corpo. Quando os músculos esgotam suas reservas de glicose, extraem mais da corrente sanguínea mantendo os níveis de açúcar de um indivíduo em equilíbrio. Além dos hábitos de saúde, uma série de fatores como etnia e idade podem aumentar o risco para o desenvolvimento da resistência à insulina.
Como mencionamos anteriormente, você pode reduzir suas chances de desenvolver essa condição comendo bem e praticando exercícios regularmente. Mantenha distância de alimentos com alto teor calórico, que oferecem pouco ou quase nenhum valor nutricional. Tente equilibrar sua alimentação, mantendo hábitos saudáveis e o consumo de frutas, legumes, nozes, castanhas, sementes, peixes, frango e carnes magras. Com relação à atividade física, procure praticar pelo menos 30 minutos de exercícios aeróbicos, três dias por semana.
Nós recomendamos também que você consulte o seu médico ou especialista caso tenha qualquer dúvida a respeito da resistência à insulina. Estes profissionais são capazes de avaliar periodicamente a sua saúde e fornecer recomendações sobre como lidar com esta condição.
obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs
Carla
extraído:http://blogbr.diabetv.com/o-que-e-resistencia-insulina/
Posted by 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla