sexta-feira, 21 de março de 2014

Trombocitopenia Imune Primária - PTI - cont. 10 - Sistema Imunológico


Conheça o sistema imunológico


A PTI (Púrpura Trombocitopênica Idiopática e Púrpura Trombocitopênica Imune) é uma doença autoimune, ou seja, produzida pelo próprio organismo.
O corpo reage diariamente aos ataques de bactérias, vírus e outros micróbios, por meio do sistema imunológico (Figura 2). Muito complexa, essa barreira é composta por milhões de células de diferentes tipos e com diferentes funções, responsáveis por garantir a defesa do organismo e por manter o corpo funcionando livre de doenças.
A chave para um sistema imunológico saudável é a sua notável capacidade de distinguir entre as células do próprio corpo e células estranhas. As defesas imunológicas do corpo normalmente coexistem pacificamente com as células que carregam moléculas automarcadoras distintas.
Entretanto, quando as células ou organismos que transportam esses marcadores designados como "estranhos" são encontrados, o sistema imune rapidamente lança um ataque. Tudo o que desencadeia esta resposta imunológica é denominado antígeno. Em situações anormais, o sistema imunológico não consegue distinguir entre os tecidos saudáveis do corpo e os antígenos. O resultado é uma resposta imunológica que destrói os tecidos normais do corpo também. O resultado é chamado de doença autoimune.

Figura 2: Antígenos transportam moléculas marcadoras que os identificam como estranhos.
Células do sistema imunológico
Os agentes principais do sistema imunológico são os glóbulos brancos, chamados de linfócitos e granulócitos. Eles viajam por todo o corpo por meio dos vasos sanguíneos e vasos linfáticos. Para trabalhar de forma eficaz, a maioria das células do sistema imunológico necessita da colaboração de outros glóbulos brancos. Eles produzem e respondem a diferentes citocinas (tipos de proteínas celulares) e a outros sinais para crescer em tipos específicos de células imunes. Entre os muitos tipos de glóbulos brancos existem os seguintes:
· Células apresentadoras de antígenos e células T, capazes de direcionar e regular as respostas imunes e se comunicar por meio de liberação de mensageiros químicos chamados citocinas.
· As células B trabalham principalmente na secreção de anticorpos em fluidos e tecidos do corpo. O anticorpo se encaixa em um antígeno assim como uma chave se encaixa em uma fechadura. Sempre que o antígeno e o anticorpo se encaixam(Figura3) eles formam um complexo imunológico.
· Os fagócitos são grandes glóbulos brancos que podem ingerir partículas estranhas, células ou micróbios, englobando-os.

Figura 3: Agentes principais do sistema imunológico.
Diferentes mecanismos do sistema imunológico parecem levar a diferentes formas da PTI
· A PTI aguda pode ser originada de uma resposta imune cruzada, dirigida contra antígenos infecciosos. Complexos imunológicos originados em relação à infecção ou outra doença pode se ligar à plaqueta, ou antígenos ou anticorpos circulantes podem alterar a membrana da plaqueta, de modo que as plaquetas sejam sensibilizadasmarcando-as como estranhas. As plaquetas sensibilizadas são limpas pelo sistema imune, principalmente no baçofígado e medula óssea;
· A PTI crônica pode ser perpetuada por uma resposta imunológica que é constantemente estimulada por moléculas próprias e pela produção de citocinas, pelo aumento da ativação das células T e pela produção aumentada de anticorpos específicos.
Múltiplos defeitos no sistema imunológico têm sido descritos em pacientes com PTI
· Uma célula T pode reconhecer um antígeno somente se o mesmo for apresentado juntamente com as moléculas que são marcadas como próprias (moléculas do sistema de histocompatibilidade genética). Tem sido observado que o nível sérico de moléculas de histocompatibilidade está aumentado na PTI;
· Níveis aumentados de mensageiros químicos, tais como as citocinas, foram detectados na PTI, bem como em outras doenças autoimunes;
· Após as células imunológicas terem feito o seu trabalho, elas são normalmente degradadas por meio de um processo chamado de morte celular programada (apoptose). Esse processo pode estar prejudicado, deixando células imunes que deveriam ter sido limpas em circulação no sistema imunológico.

obs. conteúdo meramente informativo procure seu médico
abs,
Carla

extraído:http://www.abrale.org.br/pagina/trombocitopenia-imune-primaria-pti

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vc é muito importante para mim, gostaria muito de saber quem é vc, e sua opinião sobre o meu blog,
bjs, Carla